Publicidade
MEIO FILTRANTE - VDI-Brasil elege Maurício Muramoto para presidente

Esta notícia já foi visualizada 1096 vezes.

VDI-Brasil elege Maurício Muramoto para presidente

Data:6/7/2018

VDI-Brasil anuncia seu novo presidente, Maurício Muramoto, durante mesa redonda iEngineer

O ex-presidente da Continental sucede a Wilson Bricio, eleito presidente de honra 

REDAÇÃO AB


A VDI-Brasil, Associação de Engenheiros Brasil-Alemanha, anuncia Maurício Muramoto como seu novo presidente. O executivo sucede a Wilson Bricio, atual presidente da ZF e que estava à frente da entidade por dois mandatos nos três últimos anos. O anúncio foi feito durante o iEngineer, evento sobre o futuro da engenharia no Brasil e realizado pela VDI no último dia 15 em São Paulo.

Muramoto atuava como vice-presidente da associação desde 2015. No ano passado, o executivo assumiu o cargo de chairman do iEngineer, focado no debate da construção do engenheiro do futuro e que conta com representantes da indústria e de universidades.

Em seu primeiro discurso como presidente da VDI-Brasil, Muramoto comunicou que a diretoria aceitou por unanimidade a proposta de nomear Wilson Bricio como presidente de honra.

“Desta forma gostaríamos de honrar sua valiosa contribuição para a trajetória da associação e manter um grande entusiasta da engenharia Brasil-Alemanha como conselheiro da nossa diretoria”, declarou Muramoto, novo presidente da VDI-Brasil.


Durante sua gestão, Bricio iniciou uma nova fase de expansão com a renovação da estrutura da VDI local e maior aproximação com a VDI da Alemanha, a fim de estreitar e explorar os potenciais das macrotendências globais em engenharia, tecnologia e inovação. Na ocasião da abertura do evento, Bricio destacou a criação dos quatro grupos temáticos que ampliam as áreas de atuação da associação.

“Com as quatro novas frentes de trabalho que atuamos por meio dos grupos iEngineer, digitalização na indústria, produtividade industrial, energias renováveis e diversidade e inclusão passamos a contribuir ainda mais para o progresso tecnológico, com profissionais capacitados e ambientes que promovem e absorvem todos os benefícios que a diversidade tem a oferecer”, comentou.

Por sua vez, Muramoto destacou ainda a importância do engenheiro na era da transformação digital, as mudanças na formação desses profissionais e reforçou a cooperação entre empresas e universidades para aperfeiçoar a formação dos engenheiros, além do papel da VDI-Brasil como ponte desse processo.

“Já não é mais novidade que a transformação digital veio para mudar profundamente as profissões e a natureza do trabalho no mundo todo. Nós, engenheiros, somos protagonistas neste processo. Aplicamos conhecimento científico para idealizar, desenvolver, aperfeiçoar e aplicar tecnologias em prol dos seus usuários. Neste cenário, o benefício do usuário ganha uma nova dimensão. Porém, o princípio continua: o engenheiro é responsável pelas consequências éticas das suas criações”, disse. “O nosso objetivo é oferecer uma plataforma de diálogo entre indústria e academia, pois acreditamos que o futuro da engenharia no Brasil terá que ser construído a quatro mãos.”

Formado em Engenharia Eletrônica pelo Instituto Mauá de Tecnologia, Muramoto acumula 25 anos de experiência. Com passagens por empresas de origem alemã, ele é ex-presidente da Continental.


Fonte: www.automotivebusiness.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade