Publicidade
MEIO FILTRANTE - Modec escolhe Suez para fornecimento de membranas de nanofiltração

Esta notícia já foi visualizada 180 vezes.

Modec escolhe Suez para fornecimento de membranas de nanofiltração

Data:1/10/2018

Para retirada de sulfato da água do mar para projeto de petróleo offshore no Brasil. Suez fornecerá mil membranas para navios de armazenamento e descarregamento de produção flutuante (FPSO) da Modec MV22 e MV24, na Bacia de Santos. Os FPSOs são capazes de processar 250 mil barris diários de petróleo.

Precisando eliminar o sulfato da água de injeção para a produção de petróleo offshore, a Modec recorreu à Suez para uma substituição completa das membranas existentes em uma embarcação de armazenamento e descarregamento de produção flutuante (FPSO, Floating Production Storage and Offloading) no Brasil.

Para o projeto, a Suez fornecerá mil membranas de nanofiltração de remoção de sulfato de água do mar (SWSR) para as embarcações FPSO da Modec MV22 e MV24, implantadas no campo de Sapinhoá. O anúncio foi feito no dia 24 de setembro (segunda-feira), na Rio Oil & Gas, que aconteceu de 24 a 27 de setembro(segunda a quinta-feira), no Centro de Convenções Riocentro, Rio de Janeiro.

Especificamente, a Suez fornecerá Modec com membranas SWSR-440 que removem o sulfato para reduzir drasticamente a corrosão no poço de injeção, que pode reduzir a recuperação de óleo e tampar o poço. Os navios FPSO MV22 e MV24 estão localizados na região gigante do pré-sal da Bacia de Santos, e são capazes de processar respectivamente 100 mil 2 150 mil barris de petróleo por dia. As membranas serão entregues até o final de 2018.

As membranas de nanofiltração SWSR da Suez têm excepcional resistência à incrustação devido ao seu design de três camadas e superfície lisa. As membranas fornecem uma alta transmissão de cloreto de sódio para a água permitindo minimizar as pressões de operação. Elas oferecem uma barreira física para quaisquer partículas suspensas, incluindo bactérias, pirogênios e colóides. Além disso, as novas membranas ajudam a prevenir a concentração de estrôncio e sulfato de bário nos poços de injeção e melhor atenuar a corrosão, reduzindo o sulfato.

“Este é um marco importante em nossa colaboração com a Modec e a confirmação de que nossas soluções integradas de tecnologia avançada para o setor de petróleo e gás estão enfrentando os desafios mais difíceis do mercado. Estamos vendo cada vez mais clientes se aproximando por causa da membrana de nanofiltração SWSR devido sua alta resistência a incrustações e o desempenho geral de remoção de sulfato. Estamos muito orgulhosos da Modec ter escolhido nossa tecnologia de membrana para as MV22 e 24”, disse Craig Hobkirk, diretor de mercado global de petróleo e gás da Suez.

Perfil da Suez — Com 90.000 pessoas nos cinco continentes, a Suez é líder mundial em gerenciamento de recursos inteligente e sustentável. Fornecemos soluções de gerenciamento de água e resíduos que permitem que cidades e indústrias otimizem seu gerenciamento de recursos e fortaleçam seu desempenho ambiental e econômico, de acordo com os padrões regulatórios. Para atender às crescentes demandas para superar a qualidade dos recursos e os desafios da escassez, a Suez está totalmente engajada na revolução dos recursos. Com todo o potencial das tecnologias digitais e soluções inovadoras, o Grupo recupera 17 milhões de toneladas de resíduos por ano, produz 3,9 milhões de toneladas de matérias-primas secundárias e 7 TWh de energia renovável local. Também protege os recursos hídricos, fornecendo serviços de tratamento de águas residuais para 58 milhões de pessoas e reutilizando 882 milhões de m3 de águas residuais. A Suez gerou receitas totais de 15,9 bilhões de euros em 2017.



Fonte: www.revistafatorbrasil.com.br

Comentários desta notícia

Publicidade